Resultado da Busca

armazenamento em nuvem

Saiba O Que É Armazenamento Em Nuvem E Melhores Opções

O armazenamento em nuvem é uma tecnologia amplamente disseminada no nosso dia a dia, nos últimos anos, não somente no universo corporativo, mas também na rotina comum das pessoas.  No caso das empresas, esse sistema é ainda mais usado, visto que, atualmente, a maioria dos dados é criado em formato digital, o que exige que os usuários tenham acesso facilitado e também possam compartilhar as informações entre as equipes. Para você entender, o armazenamento em nuvem é um sistema que usa servidores remotos para guardar arquivos, e dependem de uma conexão com a internet para ser acessado.  Quer entender melhor como funciona a nuvem para armazenamento e as melhores opções disponíveis no mercado? Continue lendo o nosso artigo! O Que É O Armazenamento Em Nuvem? O armazenamento em nuvem, como mencionamos no início deste artigo, é um sistema que guarda arquivos digitais variados em servidores remotos, que são acessados pela internet.  Diferente do armazenamento em locais físicos, esse sistema funciona de maneira online, onde as informações adicionadas podem ser guardadas de maneira segura e gerenciadas, de modo que os usuários possam acessar os arquivos digitais, compartilhar e colaborar. Esses servidores de serviços de nuvem possuem uma rede de provedores interconectados e sem limitação de espaços, ou seja, é possível guardar volumes diferentes de dados.  A grande vantagem do armazenamento em nuvem é a sua acessibilidade, já que os dados podem ser acessados de qualquer lugar, desde que o usuário seja autorizado. Além disso, outra característica desse sistema é o nível de segurança oferecido aos arquivos armazenados. Normalmente, esses provedores em nuvem utilizam criptografia de dados, impedindo que as informações sejam acessadas ou mesmo lidas por pessoas não autorizadas.  Por Que O Armazenamento Em Nuvem É Importante? Não é à toa que a nuvem para armazenamento é uma das tecnologias mais usadas na hora de guardar arquivos digitais de maneira segura e com fácil acesso.  Contudo, há ainda mais vantagens em investir nesse sistema para armazenar dados relevantes para o seu negócio. Entenda! Relação Custo-Benefício Uma das grandes vantagens do armazenamento em nuvem é a relação custo-benefício dessa tecnologia, principalmente, porque você não terá custos com a implantação de uma estrutura de TI, com a aquisição de serviços, softwares ou hardwares de armazenamento. Outra vantagem é que as empresas que oferecem esse tipo de tecnologia tem um modelo de pagamento flexível, onde o cliente só paga pelo espaço de armazenamento usado e pelos recursos consumidos.  Ou seja, os recursos empregados nessa contratação são otimizados, evitando que você pague por algo que não contratou. Aumento Da Agilidade Um dos grandes benefícios do serviço de armazenamento em nuvem é a agilidade no acesso aos dados, já que os usuários podem acessar o sistema de qualquer lugar, desde que tenha conexão com a internet e esteja autorizado. Ou seja, não há limitação geográfica para o uso da tecnologia, garantindo, assim, operações mais rápidas e otimizadas. Além disso, você também consegue maior agilidade, porque é possível ter colaboração em tempo real, permitindo que os usuários trabalhem em conjunto em arquivos, mesmo que estejam em diferentes locais. Tudo isso otimiza o tempo das equipes e torna os processos ainda mais eficientes e ágeis. Implantação Mais Rápida Ao contratar o armazenamento em nuvem, sua empresa dispõe de uma estrutura de TI para ter acesso à tecnologia.  Isso porque, os serviços em nuvem são acessados por meio da Internet, ou seja, sua empresa não precisa instalar quaisquer programas ou hardwares, basta apenas contratar o serviço para começar a usar de maneira imediata.   Gerenciamento De Dados Eficiente A nuvem para armazenamento também garante um gerenciamento de dados altamente eficiente.  Isso porque, esses provedores remotos centralizam todos os dados em um único local, permitindo que eles sejam acessados de qualquer lugar, desde que tenha acesso com a internet, evitando que as informações fiquem espalhadas em vários dispositivos.  Somado a isso, o armazenamento em nuvem também possui recursos para manter os dados organizados e estruturados. Ao usar esse sistema, é possível separar os arquivos digitais por pastas, categorias, com etiquetas de identificação e outros recursos, facilitando, assim, a localização das informações. Sem contar que o sistema tem controle de acesso, permitindo que só pessoas autorizadas possam ingressar no sistema, garantindo a restrição e segurança dos dados.  Escalabilidade Praticamente Ilimitada Esse tipo de tecnologia possui uma escalabilidade praticamente ilimitada, já que é possível aumentar ou diminuir a quantidade de espaço de armazenamento, mediante a necessidade da sua empresa, fazendo dele também um serviço flexível. Continuidade Dos Negócios O armazenamento em nuvem permite a continuidade das atividades da sua empresa, mesmo diante de situações adversas, como desastres naturais, falhas humanas ou ataques hackers.  Isso porque, mesmo com uma eventual perda de dados, os arquivos armazenados em nuvem continuarão acessíveis e disponíveis, evitando que suas atividades sejam interrompidas por conta da exclusão ou de um sequestro de dados.   Quais São Os Tipos De Armazenamento Em Nuvem? Outra vantagem desse sistema é que há diferentes tipos de armazenamento em nuvem, como objetos, arquivos e blocos. Entenda! Objetos O armazenamento em nuvem por objetos é uma modalidade que guarda e gerencia volumes de dados não estruturados, que incluem imagens, vídeos, documentos, arquivos de áudio, etc. Nesse caso, os objetos são identificados por uma chave única, armazenados em um repositório plano, que também leva o nome de “container”. Arquivos Outro tipo de armazenamento em nuvem são em formato de arquivo, que também podem ser os mais variados, como planilhas, documentos, vídeos, etc, onde você pode criar pastas para mantê-los organizados.  Blocos Já no caso de blocos, esse tipo de armazenamento possui uma divisão dos dados em blocos de tamanho fixo, sendo que cada um tem uma identificação única. Esse tipo de armazenamento em nuvem é indicado para armazenar, acessar e gerenciar grandes volumes de dados de forma flexível, escalável e segura, atendendo a diversas necessidades empresariais e individuais. Exemplos de uso para o armazenamento em blocos são: Infraestrutura como serviço (IaaS), Implantação de aplicativos, backup e recuperação de desastres, armazenamento de dados para análise (BI, data

Leia mais
backup-em-nuvem

Descubra O Que É Backup Em Nuvem Para Empresas E Como Funciona

Se você chegou no nosso blog, possivelmente, está em busca de informações sobre backup em nuvem para a sua empresa, não é isso?  Saiba que essa tecnologia é o que há de mais moderno, prático e seguro para o armazenamento de dados de companhias de vários portes e ramos de atuação.  Trata-se de uma cópia de segurança de informações digitais, que podem ser as mais variadas, como arquivos, imagens, aplicativos, programas, banco de dados, etc.  Hoje em dia, com a quantidade de informações que movimentam as empresas, fazer o backup em nuvem é essencial, já que ela evita que os dados sejam perdidos, gerando muita dor de cabeça e até prejuízos financeiros. Quer saber mais sobre as soluções backup em nuvem e como ela funciona? Então, continue lendo o nosso artigo e descubra o porquê essa tecnologia precisa ser usada na sua empresa o quanto antes. Vem com a gente! O Que É Backup Em Nuvem? A tecnologia de backup em nuvem, como mencionamos no início deste artigo, são cópias de segurança em uma estrutura de armazenamento feita em um servidor remoto, que pode ficar em um local físico ou virtual. Chamado também de backup online, geralmente, esse armazenamento é hospedado em um datacenter, ou seja, em um centro de processamento de dados de uma empresa contratada.  A cobrança para fazer backup na nuvem é feita a partir do espaço contratado, banda de transmissão de dados, quantidade de servidores e usuários ou mesmo pelo período que as informações são acessadas, entre outros pontos.  O Que É A Nuvem? Se você ainda ficou sem entender o que é a nuvem, saiba que ela é uma estrutura computacional, um servidor remoto que tem a capacidade de armazenar um volume alto de dados, podendo ser acesso também de qualquer lugar.  Essa estrutura permite escalar ou mesmo dimensionar recursos rapidamente, sem precisar realizar manutenções manuais em seus servidores.  Backup Em Nuvem: Entenda Sua Importância Você sabia que uma boa gestão de TI deve contemplar não só a implantação de sistemas para melhorar os processos internos, mas sim a segurança de seus dados e a prevenção contra danos? Para falar sobre a importância de realizar um backup em nuvem corretamente, vamos citar alguns problemas que a perda de dados pode ocasionar para a sua empresa. Os riscos que envolvem a perda de dados podem se transformar num cenário desastroso capaz de interromper as atividades de uma empresa, afetando sua imagem e reputação, além de gerar um retrabalho dispendioso e ser grande fator de estresse para a equipe. Os prejuízos com a recuperação de dados acabam se tornando uma verdadeira dor de cabeça para a empresa, além do risco que se corre com invasores exigindo pagamento de “resgate”. O backup em nuvem tem a capacidade de restaurar completamente todos seus arquivos, a partir de cópias já feitas de cada um deles, garantindo maior segurança contra todos os riscos que citamos anteriormente. Como Funciona Backup Em Nuvem? Sabendo o conceito de backup em nuvem, vamos entender como essa tecnologia funciona, mas de uma maneira prática para que você possa compreender melhor sobre a operação desse sistema.  Confira os principais aspectos para o funcionamento do backup em nuvem! Criptografia De Dados Para o seu funcionamento adequado, essa tecnologia utiliza a criptografia de dados, ou seja, senhas de acesso, que devem ser usadas apenas por pessoas responsáveis. Ou seja, o backup precisa que os dados sejam lidos somente por pessoas autorizadas, logo com a criptografia garantimos a confidencialidade dos dados. Inclusive, os dados guardados no sistema são considerados arquivos mortos para os usuários que não possuem essa senha. A proposta da criptografia de dados é garantir a segurança das informações.  Período De Retenção Outro aspecto importante para o funcionamento do backup em nuvem é o período de retenção, ou seja, é um procedimento que mantém versões alteradas e deletadas das informações presentes no sistema.  Ou seja, no caso de um usuário apagar os dados, é possível restaurar o arquivo com uma data anterior à ação.  Além disso, ela funciona também quando a versão atual não está operando de forma correta depois de uma manutenção, por exemplo.  Geralmente o período de retenção está especificado em dias ou quantidade de cópias dos dados. Simplificando: é a quantidade de backups que você terá do mesmo dado. Compactação Dos Dados Na tecnologia de backup em nuvem, temos ainda a compactação dos dados, que é usado justamente para otimizar o espaço do sistema de armazenamento, impactando também diretamente na redução de custos para guardar os arquivos da sua empresa.  Vale ressaltar que esse processo pode ter desempenho diferentes conforme o formato do arquivo.  Acesso Restrito Aos Dados Para garantir a segurança das informações, a solução de backup na nuvem utiliza acesso restrito aos dados. Porém, é possível ainda que o compartilhamento de arquivos seja feito com mais usuários de forma colaborativo, caso seja necessário. Mas claro que todos os acessos são controlados e contam com senhas para garantir a segurança das informações na nuvem.  Relatórios De Backup Além de armazenar um volume alto de informações, o backup na nuvem também fornece a possibilidade da emissão de relatórios constantes, a partir de um monitoramento das atividades do sistema.  Quais Os Benefícios Do Backup Em Nuvem? Há muitos benefícios de contratar um backup em nuvem para a sua empresa. Entre as vantagens estão as seguintes: Quais Os Tipos De Backup Na Nuvem? Há diferentes tipos de backup na nuvem, contudo o ideal é o completo, também conhecido como backup full. Esse tipo de backup é uma das modalidades mais usadas e proporciona uma segurança em alto nível aos dados armazenados.  Neste formato, todos os arquivos da sua empresa são copiados para esse servidor remoto, que oferece processos simples e práticos para recuperação de arquivos, reunindo todas as informações em um conjunto de dados.  Porém, saiba que nesse caso, é preciso ter mais espaços e uma banda larga mais robusta para comportar o volume de informações  Você encontra também os backups incrementais que operam diferentes do

Leia mais
ilustração contendo uma mão conectada com a nuvem

Saiba quais os benefícios da migração para nuvem

Você sabe quais os benefícios que a migração para a nuvem, por meio da computação, pode trazer para você e seus negócios? A computação em nuvem é uma maneira de facilitar o dia a dia de uma empresa. Isso porque, ela é capaz de promover e trazer diversas vantagens. Neste artigo, iremos conhecer os 3 principais benefícios que a migração para a nuvem pode trazer. Continue a leitura abaixo e confira! 3 principais benefícios da migração para a nuvem Já falamos aqui sobre as vantagens da computação em nuvem, mas você sabe os benefícios de fazer a migração para a nuvem? Bem, a migração para nuvem é uma das fases da computação. A etapa serve para que se coloque em prática todas as pesquisas, estudos e planejamento. Veja agora, quais os benefícios de fazer a migração para a nuvem. Confira abaixo! Segurança Um dos principais benefícios de fazer a migração para a nuvem é a segurança que ela traz para sua empresa. Isso porque, é investido um número alto em recursos de proteção de dados. Seu sistema também ficará hospedado em ambientes com práticas de segurança de estratégias de detecção de intrusão. Economia Outro benefício é a redução de custos, pois é utilizado o sistema “pay per use”, que significa “pague o que utilizar”. Além disso, você economiza ao não necessitar de alguns recursos, como: estrutura física, elétrica, ar-condicionado, servidores, software e serviços profissionais para executar o projeto. Isso sem falar na redução do consumo de energia elétrica. Velocidade A velocidade é um dos benefícios principais da migração para a nuvem. Ela traz mais memória, mais espaço e maior potência, utilizando tecnologias modernas e de maior desempenho e qualidade. Agora que você já conhece os principais benefícios da migração para a nuvem, entre em contato conosco, temos uma equipe especializada em levar maior avanço tecnológico para a sua empresa!

Leia mais
6 vantagens de migrar seu sistema para a nuvem

6 vantagens de migrar seu sistema para a nuvem

Nada mais cansativo do que passar o dia brigando com um sistema lento ou que fica travando, não é mesmo? Como melhorar esse cenário? Esquece aquela alternativa inviável e caríssima de comprar um servidor novo que logo mais terá que ser trocado novamente. A solução para esse problema pode ser mais fácil do que você pensa, confira as 6 vantagens de migrar seu sistema para a nuvem! As empresas estão em um nível de busca por eficiência e competitividade sem precedentes. Inovando, gerando receitas, insights e isso significa que você precisa acompanhar o mercado e suas transformações. Buscar soluções diferenciadas, migrar seu sistema para nuvem com ferramentas tecnológicas ágeis pode ser o diferencial para se destacar e alavancar o seu negócio. A computação em nuvem é uma das áreas que mais se desenvolve no mundo. Segundo a análise da Research and Markets, essa área crescerá de US$ 371,4 bilhões em 2020 para US$ 832,1 bilhões em 2025.  Por ser algo novo e tão intangível, é compreensível que gere medo e apreensão de investir nessa tecnologia, por isso, separamos algumas vantagens que vão te convencer a migrar o seu sistema para a nuvem e aumentar sua produtividade! A Nuvem traz mais segurança Seu sistema ficará hospedado em ambientes que estão em conformidade com as melhores práticas de segurança e estratégias de detecção de intrusão. O investimento em segurança cibernética dos provedores de nuvem pública, geralmente, é muito maior que o investimento das pequenas e médias empresas. De acordo com estudo recente da Deloitte, a segurança em cloud aparece como a principal iniciativa de transformação digital a ser adotada nos próximos 12 meses por organizações que atuam no Brasil.  Velocidade Há abundância de recursos computacionais na nuvem, então se precisar de mais processamento é só ajustar. Precisou de mais memória? Espaço? – Teeemos! A elasticidade da nuvem possibilita expandir ou reduzir recursos a qualquer momento. Além de tudo, ao escolher um bom provedor desse serviço, provavelmente o seu negócio poderá utilizar modernas tecnologias e com alto desempenho. Redução de custos Existe um termo no mercado chamado pay-per-use ou pague o que utilizar. Neste modelo é possível contratar recursos na nuvem conforme a necessidade do momento. Além disso, evitam-se investimentos em estrutura física, elétrica, ar-condicionado, servidores, software e serviços profissionais para executar o projeto. Também reduz o consumo de energia elétrica.  A nuvem está sempre disponível Com o sistema na nuvem é possível acessá-lo de qualquer local a qualquer momento, só precisa ter acesso à internet. Esqueça indesejáveis problemas no sistema, seja por falta de energia elétrica, falha de equipamentos ou até mesmo desastres naturais. A nuvem possui resiliência necessária para manter seu sistema sempre disponível. Ainda podemos ter o seu sistema em “duas nuvens”, se uma nuvem estiver indisponível a outra assume e o trabalho na sua empresa segue tranquilamente.  Escalável e flexível Os serviços em nuvem atendem a maioria das empresas, seja ela pequena ou grande e são ajustáveis, sendo possível aumentar ou reduzir conforme a necessidade do momento. A nuvem se ajusta à evolução do seu negócio. Backup Além do backup tradicional, pode ser feito um backup completo do servidor na nuvem, com isso, ganha-se tempo e agilidade em uma restauração, pois todas personalizações e configurações do sistema estariam salvas, sem a necessidade de ajustes adicionais após a restauração. Também é possível manter uma cópia do seu servidor em nuvem em outro local, se for necessário basta ligá-lo e seguir a operação do seu negócio. Tudo isto pode ser de forma automatizada e sem intervenção humana, depende de quanto a sua empresa quer investir. Saiba mais sobre o que mais pode ser migrado para a nuvem clicando aqui! Para tornar esse processo seguro e eficaz, conte sempre com uma equipe especializada, para evitar a perda ou corrompimento de dados e sistemas. A equipe da HLTI é experiente e especializada na migração de sistemas e demais estruturas para a nuvem! Conte conosco para evoluir a estrutura da sua empresa.

Leia mais
Estrutura Empresarial - O que podemos migrar para a nuvem?

Estrutura Empresarial – O que podemos migrar para a nuvem?

Migrar sua empresa para a nuvem pode trazer muitos benefícios, desde a redução em até 30% dos investimentos, além de maior segurança cibernética para os processos empresariais. Mas o que podemos migrar para a nuvem de fato? Nesse post vamos te explicar tudo o que pode ser levado para nuvem e qual o benefício de cada etapa para o seu negócio. O que podemos migrar para a nuvem da infraestrutura do seu negócio Computação – Sistemas, softwares e muito mais Ao optar por migrar para a nuvem, toda a parte de infraestrutura, aplicações e plataformas computacionais podem ser migradas. Servidores, sistemas e softwares utilizados no dia a dia organizacional podem ser facilmente migrados, mesmo que sejam antigos. Saiba mais sobre isso em nosso artigo: É possível migrar um sistema legado para nuvem? Dessa maneira, a estrutura computacional ganha mais flexibilidade, segurança e agilidade na resposta às necessidades de mudanças no negócio, agregando mais produtividade a sua equipe e aumentando sua capacidade de entrega como veremos mais para frente. Armazenamento de arquivos – Disco na nuvem O armazenamento em nuvem é um dos serviços mais comuns da nuvem, provavelmente todos nós usamos na nossa vida pessoal, guardamos fotos, documentos, vídeos e outros. Ao armazenar os dados da sua empresa na nuvem, se pode trabalhar em grupo de forma colaborativa. Várias pessoas trabalhando ao mesmo tempo, nos mesmos arquivos. Por exemplo: Um empresário que está viajando a negócios consegue acessar os arquivos no mesmo momento que um funcionário está editando um arquivo. A nuvem também é o espaço ideal para converter e armazenar arquivos por um prazo maior. Imagens, fotos e documentos de um arquivo, por exemplo, podem ser copiados e enviados para a nuvem a fim de preservar a história da empresa. Backup Hoje o backup de arquivos é quase obrigatório ter uma cópia dos dados na nuvem. Caso a sua empresa sofra algum problema sinistro de incêndio, sequestro de dados ou enchente haverá uma versão dos arquivos em meio digital e fora da empresa. Fazer o backup para a Nuvem é uma boa prática de segurança e proteção de dados. Saiba mais sobre como funciona o backup clicando aqui! ERP – Sistemas de gestão A maioria das empresas consolidadas utilizam algum sistema para o faturamento, controles de processos, estoques, enfim! Cada empresa tem as suas necessidades e um sistema para ajudar nos controles. Os ERPs estão cada vez mais sendo usados na nuvem, pela flexibilidade, economia e fácil acesso de qualquer lugar com acesso à internet, seja por um dispositivo móvel ou um desktop. Isso aumenta a produtividade da equipe e dá mais agilidade à resolução de problemas ou pedidos de clientes. Telefonia na nuvem Você quer reduzir os custos de ligações telefônicas e a infraestrutura de sua empresa? A nuvem também permite a instalação de sistemas de telefonia. Isso possibilita que você acesse o ramal de modo online, em qualquer lugar. Ou seja, você pode ter uma empresa no Brasil e no exterior e centralizar o seu sistema de telefonia na nuvem, tornando o custo muito mais barato. No Home Office, isso se torna imprescindível, pois o funcionário passa a ter um ramal da empresa dentro da sua casa. E-mail empresarial Muitas ferramentas de e-mail empresarial já estão vinculadas à nuvem, contudo, há alguns fornecedores que ainda não caminharam nessa direção. Essa é a melhor maneira de dar agilidade ao funcionamento da plataforma e proteger as informações trocadas com os clientes e fornecedores. Benefícios diários de migrar para a nuvem Migrar a sua empresa para a nuvem proporciona diversos benefícios para a sua empresa, principalmente quando falamos no dia a dia da empresa. Confira abaixo alguns deles. Monitoramento e gestão de capacidade Com a estrutura da empresa na nuvem fica mais fácil fazer o monitoramento dos recursos, arquivos e sistemas, aumentando as chances de se prever e solucionar problemas antes mesmo que aconteçam. Um exemplo do bom isso do monitoramento é a gestão do espaço em disco dos servidores, quando tratamos com servidores físicos e precisamos prever o uso do espaço para pelo menos 5 anos e quando esse espaço acaba, gera um transtorno grande para a empresa, já na opção em nuvem, a equipe de TI faz esse monitoramento diariamente e com um clique pode fazer a ampliação do espaço sem parar as operações da empresa. Financeiro Seguindo na linha do exemplo dos servidores, outro benefício de migrar a empresa para a nuvem, são as reduções de custos com estrutura física, licenças de softwares, upgrades das máquinas, além de custos invisíveis como energia elétrica, manutenção de ar condicionado, etc. Com os servidores na nuvem você paga apenas pelo que utiliza, diluindo o custo mensalmente, e contando com infraestrutura e serviços de empresas como Amazon, Google, Huawei e Microsoft, populares pelos serviços em nuvem. Colaboração e Comunicação Com a estrutura da empresa na nuvem a colaboração e comunicação da equipe é facilitada, pois, a nuvem possibilita o acesso de qualquer dispositivo em qualquer lugar com internet. Isso reflete diretamente na produtividade e agilidade do seu negócio. Gostou? Tem dúvidas sobre a migração para a nuvem? Fale com um de nossos especialistas, nós podemos te ajudar!

Leia mais
Armazenamento na nuvem ou backup

Armazenamento na nuvem ou backup – De qual deles sua empresa precisa?

Armazenamento na nuvem e backup são assuntos que geram muitas dúvidas, por isso, preparamos esse artigo explicativo, que vai ajudar a entender o que sua empresa precisa. Diariamente a sua empresa lida com dados operacionais importantíssimos, que necessitam de segurança, afinal a perda desses dados pode acarretar em perdas financeiras, processos judiciais, entre outras consequências. O armazenamento na nuvem e o backup desses dados são a solução mais eficaz para garantir a proteção desses dados. Mas qual a diferença entre ambos? Armazenamento na nuvem X Backup Armazenamento na Nuvem O armazenamento na nuvem, como o próprio nome já diz, é um serviço usado para guardar arquivos, que visa proteger seus dados de problemas com o armazenamento físico do desktop (computador ou notebook) ou servidor, como sequestro, formatações, panes, queima de HDs, exclusões e quebra, entre outros. Esse serviço permite que os arquivos sejam armazenados na nuvem e que possam ser acessados de qualquer dispositivo com acesso à internet. Como armazenamento na nuvem, você economiza estrutura física para armazenamento de dados no seu local, como servidores e HD externos. Porém, o armazenamento na nuvem não garante a cópia desses arquivos, ele apenas facilita a acessibilidade dos dados da sua empresa. Mesmo tendo um controle básico de segurança, ao solicitar login e senha para acesso dos dados, o armazenamento na nuvem não garante a segurança desses dados.  Além disso, o armazenamento na nuvem pode ser utilizado no modelo de arquivo para documentos e dados que não precisam ser utilizados com frequência, como notas fiscais, holerites, etc. Nessa modalidade de armazenamento, o acesso aos arquivos pode demorar um pouco mais, não sendo instantâneo. Backup Já o Backup, garante a proteção dos dados ao trabalhar com cópias de segurança, criptografia, retenção, data center certificado e outras medidas de segurança, mantendo os dados seguros mesmo se houver algum problema com o HD ou exclusão de arquivos. Muito comum no ambiente corporativo, esse tipo de serviço mantém dados de negócios mais seguros do que em servidores físicos na própria empresa, normalmente, utilizando-se da Regra de Backup 3-2-1 (Saiba mais sobre o assunto clicando aqui). Mesmo com o armazenamento físico, em HD ou servidor, é necessário fazer backup dos dados fora da empresa. A melhor solução é migrar a estrutura da sua empresa para nuvem, desde o armazenamento dos dados até o backup e sistemas. Confira abaixo, 3 motivos para você migrar a sua empresa para a Nuvem. 3 motivos para você migrar a sua empresa para a Nuvem Armazenamento na nuvem é mais seguro Ao optar por fornecedores de nuvem pública como Amazon, Microsoft, Huaweii e Google, você conta com a estrutura dessa empresas que investem milhões em segurança e aprimoramento do serviço, fornecendo uma estrutura de alto desempenho. Disponibilidade e eficiência Ao migrar para nuvem e contar com a estrutura de empresas como Amazon, Microsoft, Huawei e Google, você conta com alta disponibilidade dos serviços, sem se preocupar com falta de espaço e instabilidades recorrentes dos servidores físicos. Além disso, por contarem com um alto valor de investimento, os serviços em nuvem contratados são muito mais eficientes, pois contam com tecnologia avançada, pouco presente nas estruturas físicas de pequenas e médias empresas. Redução de custo Ao contratar os serviços de computação em nuvem, você paga apenas pelo que utiliza, dessa maneira, sua empresa não onera o caixa investindo em equipamentos e licenças com previsão para os próximos 5 anos, como é o caso da estrutura física. Ela trabalha com a necessidade real do momento, podendo aumentar ou diminuir de acordo com o crescimento da empresa, mês após mês. Tem dúvidas sobre a computação em nuvem? Chame um de nossos especialistas agora mesmo e conte com o nosso atendimento personalizado para a necessidade da sua empresa!

Leia mais
Migrar para a nuvem é seguro?

Migrar para a nuvem é seguro?

O processo de migrar a estrutura de uma empresa para a nuvem ainda gera muitas dúvidas e incertezas, o que faz com que muitos gestores optem por desistir desse processo por medo. Mas nós viemos explicar como funciona a migração para a nuvem e porquê ela é segura quando feita corretamente! O que é computação em nuvem? Antes de mais nada, vamos entender o que é a computação em nuvem e como ela pode ajudar a sua empresa! A computação em nuvem é uma tecnologia criada para trazer mais liberdade e flexibilidade para o dia a dia. Seu propósito é trazer mobilidade e acessibilidade para empresas, permitindo que softwares, sistemas, entre outras coisas sejam desenvolvidos ou migrados e armazenados na nuvem. Dessa maneira, tornando toda a estrutura empresarial mais rápida e segura, possibilitando o acesso rápido e instantâneo de qualquer lugar (com internet) sem depender do espaço físico. Segundo a Microsoft, um dos nossos parceiros, resumidamente a computação em nuvem é o fornecimento de serviços de computação, incluindo servidores, armazenamento, bancos de dados, rede, software, análise e inteligência, pela Internet (nuvem) para oferecer inovações mais rápidas, recursos flexíveis e economias de escala. O maior atrativo da computação em nuvem é a versatilidade e economia, afinal, a sua empresa só paga pelos serviços de nuvem que utiliza, ajudando a reduzir os custos operacionais a executar sua infraestrutura com mais eficiência e a escalonar conforme as necessidades da sua empresa. Além disso, a nuvem é “elástica”, possibilitando o aumento ou a redução do espaço/serviço utilizado de forma rápida e conforme suas necessidades. Por exemplo: você pode aumentar a memória em um mês e reduzir no próximo mês. Isso faz com que a computação em nuvem seja um serviço acessível para todas as empresas, independente do tamanho! Conheça outros 5 benefícios de migrar sua empresa para a nuvem! Mas, migrar para a nuvem é seguro? Sim! Conceitualmente a nuvem é segura devido à grande capacidade de investimento de um provedor de nuvem pública (Amazon, Google, Microsoft e Huawei) em tecnologias e padrões em segurança cibernética. Alta disponibilidade e segurança são itens prioritários para quem fornece serviços na nuvem, por isso, altos investimentos na ordem de milhões de dólares são realizados em áreas como infraestrutura, ferramentas, compliance e na capacitação de pessoal. Dificilmente uma empresa de pequeno e médio porte conseguiria investir sozinha em tantos recursos de segurança cibernética. Então, se sua empresa contratar uma estrutura em nuvem pública, irá usufruir dos mais modernos recursos de segurança de TI, pagando somente uma pequena parcela proporcional ao tamanho da sua empresa.  O que muitas empresas não sabem, é que é possível migrar a estrutura física de dados, sistemas e documentos da empresa para a nuvem. Mas é preciso atenção e conhecimento para fazer esse processo de forma segura, usando de forma correta as ferramentas de segurança da nuvem. Fazer a migração de dados e sistemas para a nuvem requer diversos cuidados, por isso é necessário a contratação de uma empresa confiável que saiba o que está fazendo! O primeiro passo para garantir uma migração segura, é a escolha do fornecedor de nuvem. Recomenda-se que seja usado uma nuvem pública, ela é mais segura e tem alta-disponibilidade Aqui na HLTI trabalhamos com as melhores empresas no mercado de nuvem pública como Amazon, Google, Huawei e Microsoft. Além disso, temos um método próprio de fazer a migração para nuvem, que já foi testado e aprovado por diversos clientes! Nuvem Fácil – Nosso método Para entender qual a melhor opção para a sua empresa, desenvolvemos o método NuvemFácil. Ele auxilia na estruturação da jornada dos clientes para a nuvem, tornando o processo mais fácil e leve, servindo de apoio para as empresas na transformação digital dos seus negócios. Nós prestamos todo o suporte e assessoria para que esse processo seja ágil e seguro para a sua empresa! Temos um método de sucesso para a Jornada para nuvem do Cliente. Nós podemos te ajudar e tirar todas as suas dúvidas! Entre em contato com um de nossos especialistas!

Leia mais
Como funciona a regra de backup 3-2-1

Como funciona a regra de backup 3-2-1

Entender como funciona o backup de dados da sua empresa é essencial para saber se ele está sendo feito corretamente. Uma forma simples de entender se a estrutura do seu backup está correta é verificando se o mesmo segue a regra de backup 3-2-1. Esta abordagem ajuda a responder duas perguntas importantes: quantos arquivos de backup eu devo ter e onde devo armazená-los? Como funciona a regra de backup 3-2-1 A regra de backup 3-2-1 tem como preceito tornar o backup dos seus dados mais seguro, pois podem acontecer falhas que impactarão o seu negócio. Segundo o fotógrafo que difundiu a regra 3-2-1, Peter Krogh, existem dois grupos de pessoas: aqueles que já tiveram uma falha de armazenamento e os que ainda vão ter uma no futuro.  Basicamente a regra de backup 3-2-1 prevê que a sua empresa tenha: Regra de Backup 3-2-1 – Tenha 3 cópias Ao determinar que se tenha 3 cópias dos dados de backup, esse número refere-se aos dados originais + 2 cópias em locais diferentes. Dessa maneira você tem menos riscos de ficar sem os dados armazenados. Mas por quê ter mais de uma cópia?  Imagine que você mantenha seus dados originais no equipamento A, e seu backup no equipamento B. Ambos os dispositivos têm as mesmas características, mas não estão interligados, não podendo gerar um falha comum. Por exemplo: se o equipamento A tem uma probabilidade de falha que é de 1/100, o que também podemos considerar para o equipamento B, já que são semelhantes, então a probabilidade de falha em ambos os dispositivos ao mesmo tempo é: 1/100 X 1/100 = 1 em 10.000 Isto quer dizer que se você tem seus dados primários (no equipamento A) e dois backups dele (nos equipamentos #B e #C) e todos os equipamentos têm as mesmas características e nenhuma causa de falha comum, a probabilidade de falha nos três dispositivos ao mesmo tempo será: 1/100 x 1/100 x 1/100 = 1 em 1.000.000 Por isto ter mais cópias dos seus dados quer dizer que você tem um risco menor de perder seus dados em um desastre. Em resumo, se seus dados são importantes para você, tenha certeza de fazer pelo menos duas cópias. Armazene as cópias em dois locais diferentes Não faria sentido fazer 3 cópias de dados em 1 mesmo local, por isso a segunda etapa da regra é fundamental para que a estrutura do backup como um todo, esteja segura. Ao armazenar as cópias de backup em um mesmo local, a etapa 1 (ter 3 cópias dos dados) se invalida automaticamente, já que os riscos voltam a ser 1 em 100 visto a chance de falhas em comum. Por isso, opte sempre pelo maior número de cópias em vários locais diferentes, assim a segurança do backup da sua empresa estará garantida. Mantenha uma cópia de backup longe da estrutura física da sua empresa Ter uma cópia de backup fora da estrutura física da sua empresa também é importante. Não é uma boa ideia manter o equipamento de armazenamento externo na mesma sala ou local da sua empresa. Se acontecer com a sua estrutura física, como um incêndio ou roubo de equipamento, você perde todos os seus dados. Cada vez mais comum (e mais seguro), a solução de backup em nuvem, principalmente para empresas de pequeno ou médio porte, acaba sanando boa parte das preocupações em relação à estrutura física.  A computação em nuvem se expande, garantindo a integridade de toda a estrutura da empresa, desde sistemas e softwares, até a proteção de dados em backup em nuvem. Saiba mais! A regra de backup 3-2-1 é versátil e funciona em qualquer estrutura, mas a melhor opção é contratar uma equipe especializada em T.I. para administrar e gerir a estrutura. Precisando de ajuda, conte conosco!

Leia mais
5 motivos para investir em Computação em nuvem

5 motivos para investir em Computação em nuvem

Investir em computação em nuvem se tornou obrigação das empresas que querem prosperar no futuro próximo. Por ser um serviço novo e “invisível”, a nuvem ainda gera muitas dúvidas.  Investir em nuvem – vale a pena? Ao levar sua empresa para a nuvem, você garante mais segurança e estabilidade de toda a sua estrutura de T.I., desde sistemas internos até os dados e arquivos operacionais da empresa. Confira abaixo, os 5 motivos principais para você levar a sua empresa para a nuvem. Baixos custos de implantação e eficiência operacional Reduzir custos operacionais é um dos benefícios da estrutura em nuvem, afinal você abre mão da estrutura física de servidores, que oneram boa parte do orçamento destinado a T.I., além de custos invisíveis como refrigeração, energia elétrica, manutenção dos equipamentos, etc. Mas além dessa redução de custos, a nuvem tem um baixo custo de implementação. Ao contrário da estrutura física, que um orçamento de implementação parte dos R$ 35 mil reais, a implementação em nuvem é muito mais em conta em função da empresa investir apenas pelo que utilizar. Maior desempenho e inovação ao investir em computação em nuvem Investir em computação em nuvem impacta positivamente os negócios, já que traz mais autonomia e escalabilidade compatível com o momento que a empresa vive, crescendo e expandindo de acordo com a necessidade real do negócio. Ao contratar um fornecedor para hospedar sua estrutura em nuvem, você opta por mais desempenho e inovação, já que empresas como Microsoft, Amazon e Huawei (fornecedores de nuvem pública) investem pesado nas melhores soluções do mercado e atualizações recentes de cada software e sistema que integram a nuvem. São milhões de reais investidos anualmente para oferecer a melhor estrutura para os clientes, situação que pequenas e médias empresas jamais conseguiriam sozinhas. Assim, investir em computação em nuvem é muito mais acessível e seguro para empresas de todos os tamanhos. Agilidade e escalabilidade das aplicações, produtos e serviços Trabalhar com a estrutura da sua empresa em nuvem traz muito mais agilidade e escalabilidade para o seu negócio, afinal, você pode contratar mais recursos e espaço com apenas alguns cliques. Em poucos minutos é possível ampliar a estrutura da sua empresa, oferecendo mais recursos de acordo com a necessidade atual do negócio, o que levaria algumas semanas na estrutura física, com a nuvem é possível em poucos minutos. Além disso, reduzir a estrutura em nuvem é tão fácil quanto aumentar, tornando a nuvem versátil para cada situação da sua empresa. Sua empresa nunca mais vai deixar de faturar por falta de estrutura e armazenamento. Investir em nuvem é garantir segurança e proteção de dados Como já falamos anteriormente, os fornecedores de nuvem pública investem milhões para levar a melhor estrutura de computação em nuvem para os seus clientes, contando com as melhores soluções em segurança e proteção de dados. Ao investir em computação em nuvem, você garante o backup de toda a estrutura da sua empresa, desde sistemas e softwares internos, até a arquivos e dados operacionais do dia a dia. Por mais que a unidade física da sua empresa sofra danos como roubo ou incêndio, por exemplo, a estrutura em nuvem continua existindo intacta. Otimização das rotinas de TI Levando sua empresa para a nuvem, você otimiza o trabalho da sua equipe de TI, que antes perdia muito tempo fazendo manutenção, troca de peças e processos de backup de dados que agora, são realizados diretamente pelo provedor de serviços de computação em nuvem. Além disso, também são automatizados para gerar o mínimo de impacto possível e sendo realizados de forma rápida e eficiente. Sua equipe de TI, pode focar os esforços para outros tipos de atividades que agreguem mais valor a sua empresa e que auxilie no melhor desenvolvimento dos seus produtos e serviços. O setor então ganha mais produtividade na sua totalidade, melhorando os indicadores e metas da equipe. A nuvem já é o presente de empresas bem sucedidas. Migre sua empresa para a nuvem e tenha mais agilidade.

Leia mais
mão segurando um smartphone com o ícone do Google Drive

Google Drive é backup? Diferença entre backup e a sincronização

Com a popularização de serviços como Google Drive, Dropbox e ICloud, muitas pessoas e empresas se acostumaram a armazenar uma cópia de segurança de documentos e arquivos nessas plataformas, numa tentativa de ter um backup caso seja necessário. Mas será que isso é o suficiente para manter os dados protegidos?

Leia mais

2022. Todos os direitos reservados. Criado por @setezeromeia.